22 de fev de 2008

Estreando a wok

Finalmente estreei minha wok! Eu costumo cozinhar numa frigideira bem larga, e acabo por nunca usar a wok. Mas quando decidi fazer este prato asiático (sim, mais um!)... foi uma ótima oportunidade.

Continuando a saga de receitas asiáticas, este é o Filé mignon com brócolis de molho de ostra, receita do East Restaurante.

Num certo aniversário de namoro, fomos ao East e comi um prato show de bola, picante pra p*****, chamado Bulgogi que meu marido me fez repetir em casa! Achei a receita no site da Vejinha, e aí começou uma busca sem fim pelos ingredientes orientais complicadésimos. Mas isso é assunto para um outro post.

Esta receita também está no site da Vejinha. Fiz algumas alterações, como sempre... Ao invés de shitake coloquei palmito pupunha em tirinhas, o que deu um ar meio "yakissoba" ao prato. O nojo do shitake foi mais forte do que a minha vontade de agradar o amore, que adoooora shitake. Mas senti que se eu lavasse e cortasse aquele trem, ia chamar o Hugo.

Ingredientes

  • 350g de filé mignon
  • 120g de brócolis
  • 12 cogumelos shiitake médios
  • 1 raiz de coentro
  • 3 dentes de alho
  • 2 pimentas dedo-de-moça sem sementes
  • 4 colheres (sopa) de óleo de soja
  • 4 colheres (sopa) de shoyu
  • 4 colheres (sopa) de molho de ostra
  • 4 colheres (chá) de açúcar
  • 12 colheres (sopa) de caldo de galinha


Modo de preparo Limpe e pique o filé mignon em pequenas tiras. Reserve. Limpe e corte os brócolis em pedaços de quatro centímetros, descartando os talos mais grossos. Corte os cogumelos em tiras e reserve. Coloque os brócolis em uma panela de cozimento no vapor e cozinhe por cinco minutos. Reserve. Pique a raiz de coentro, o alho e a pimenta. Ponha num morteiro e soque com o pilão até formar uma pasta. Reserve. Em uma panela wok, aqueça o óleo, adicione a pasta de pimenta e refogue por alguns segundos. Junte o filé, refogue por dois a três minutos. Acrescente os brócolis, os cogumelos, o shoyu, o molho de ostra, o açúcar e o caldo de galinha e cozinhe por dois a três minutos. Sirva em seguida.

Em vez de óleo de soja eu usei óleo de gergelim para o refogado. É ótimo e dá aquele toque oriental aos pratos! Ficou tudo ótimo, mas um pouco salgado. Recomendo reduzir um pouco a quantidade de shoyu, já que o molho de ostra é bem salgado. Se você gosta de pratos bem picantes como eu, pode colocar mais umas duas pimentas picadas. Eu coloquei apenas duas e quase não senti o "ardor"... No final, eu dei uma engrossada no molho com um pouco de farinha diluída no caldo de galinha.

Nenhum comentário: